Artigo

A Política de Educação no Iraque: o impacto da disputa territorial e da Etnopolítica no ensino, em Kirkuk

Publicado por
Rede Interinstitucional para a Educação em situações de Emergência (INEE)
Authored by
Kelsey Shanks
Publicado
Temas
Política Educativa
Conflito
Investigação e Evidências

Os Territórios Disputados do Iraque, ou Fronteiras Internas Disputadas, consistem em 15 distritos que se estendem por quatro províncias do norte do país, entre as fronteiras sírias até às iranianas. A província iraquiana de Kirkuk, rica em petróleo, está no centro da disputa e reflete a diversidade étnica e religiosa do país. Árabes, Turcomanos, Curdos e Assírios reivindicam padrões antigos de povoamento na província, que reflete a composição demográfica variada do Iraque. A importância simbólica de Kirkuk como pátria, tanto para os Curdos como para os Turcomanos, entra diretamente em conflito com a sua importância estratégica para Bagdade. Enquanto os dois centros de governo, linguisticamente distintos, disputam o controlo, as tensões entre comunidades étnicas crescem e as questões de identidade interferem cada vez mais com a vida quotidiana. A investigação existente sobre Kirkuk concentra-se, fortemente, nos resultados de governação e em possíveis soluções administrativas, mas pouco tem sido escrito sobre o impacto das acentuadas políticas de identidade na vida quotidiana dos cidadãos e cidadãs. É nesse sentido que este artigo explora o impacto do conflito e da disputa sobre a educação na cidade de Kirkuk.